Ad Hoc é uma orquestra de improvisação sem membros fixos. Cada concerto tem uma personalidade própria com um grupo diversificado de artistas, tentando quebrar as fronteiras entre os diferentes gêneros musicais e promovendo o diálogo de artistas de múltiplas origens. Unindo novos grupos a cada sessão, o diretor Guilherme Peluci utiliza de diferentes técnicas de improvisação conduzida como Conduction, Soundpainting, Ritmo con Señas, para criar música em tempo real. Nos últimos anos, mais de 500 artistas já passaram pelo projeto.

adhoc-7108
adhoc-7108

press to zoom
116435526_2684527038532463_1727218563799603914_n
116435526_2684527038532463_1727218563799603914_n

press to zoom
adhoc-7130
adhoc-7130

press to zoom
adhoc-7108
adhoc-7108

press to zoom
1/3

Nova Diretriz envolve seis mulheres - Bruna Vilela (guitarra), Camila Rocha (baixo), Lúcia Vulcano (guitarra), Luísa Mitre (teclado), Natália Mitre (bateria), Paige (voz) - e o condutor Guilherme Peluci. Além destas, outras três musicistas, Irene Bertachini, Nath Rodrigues e Marcela Nunes participaram do processo e compuseram outras faixas que serão lançadas posteriormente.

 

O single, que caminha pela estética do Funk e do Soul - sem perder um apelo Pop - em suas narrativas orgânicas do desenho de composição musical, tem a mixagem assinada por Marc Urselli, produtor musical que tem em seu currículo três Grammys e a produção de bandas como Foo Fighters e U2. O título ilustra simbolicamente o encontro das musicistas, que construíram conjuntamente suas linhas partindo do único pressuposto /planejamento de expressar suas potencialidades do subjetivo feminino ao subir em palco.

 

Os versos "Cantei pra vocês/Uma nova Diretriz" são entoados por Paige assertiva e naturalmente em uma das variações de dinâmica da música e corroboram esse mote.     - Texto de Bruna Vilela

RELEASE COMPLETO

adhoc-6973
press to zoom
adhoc-7003
press to zoom
adhoc-7056
press to zoom
adhoc-7057
press to zoom
adhoc-7024
press to zoom
1/1

Guilherme foi para Londres pesquisar sobre a London Improvisers Orchestra em 2017 através da residência artística Transnational Dialogues.

 

Esta orquestra se formou há pouco mais de 20 anos, a partir do contato de grandes improvisadores Londrinos com o maestro Norte Americano Lawrence "Butch" Morris. A "LIO" seguiu sua existência e desenvolveu seus próprios métodos, linguagem, ideologia e práticas. Em suas sessões cada peça é conduzida por maestros e maestrinas distintas e também são incluídas no repertório peças de improvisação livre sem regência.

Em uma sessão muito especial, Peluci foi convidado a conduzir uma peça, que foi gravada e lançada em um disco comemorativo dos 20 anos do grupo.

Guilherme Peluci, February 2017. A short but quite special item in the set. Enter the foam in the company of the scorcher choir! Small talk, clamor of preparations, also voices! Dry strings in a slow march. Human voices next to us, like a venomous weasel in the hunt. Convulsive percussion and the beautiful chaos of human nature, determined by a scream. - Text by Edwin Pouncey , Jazzwise magazine.

London Improvisers Orchestra.png

Concebido por Lawrence D. “Butch” Morris como uma introdução teórica, bem como um guia prático para condutores, compositores, instrumentistas e educadores de música, “The Art of Conduction - A Conduction® Workbook” fornece uma elucidação detalhada, através de desenhos e explicações, de cada sinal e gesto que Morris desenvolveu para seu "vocabulário de comunicação" na criação de música em conjunto. O volume, publicado a título póstumo, e editado por Daniela Veronesi, apresenta as reflexões de Morris sobre a Condução como forma de estabelecer um terreno comum entre a notação e a música improvisada, e inclui uma cronologia e discografia completa de Conduction.

Para trazer este evento ao Brasil, Guilherme Peluci até então um dos poucos pesquisadores desta prática no país e mestre no assunto pela Universidade Federal de Minas Gerais, firmou parcerias com a Dra. Daniela Veronesi e com o Dr. Clifford Korman e articulou no parcerias com as universidades, UNIRIO, USP, UFMG, UFF, que cederam espaço para as atividades de Workshop e Palestras; Também firmou parcerias com festivais e casas de jazz e música improvisada, para a realização de diversos Concertos.

RELEASE COMPLETO

The Art of Conduction – A Conduction® Workbook - Lançamento no Brasil

Em lançamento internacional, o livro do criador da prática de Improvisação Dirigida, Conduction® - Lawrence D. “Butch” Morris - foi apresentado no Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba e Belo Horizonte, em eventos entre os dias 22 de Julho a 18 de Agosto de 2017.

Cartaz_A2
press to zoom
1/1
The Art of Conduction
press to zoom
Daniela Veronesi
press to zoom
Daniela - Guilherme - Cliff - Vinicius
press to zoom
Guilherme & Daniela
press to zoom
Daniela Veronesi - Unirio
press to zoom
Daniela Veronesi - USP
press to zoom
Daniela Veronesi - Curitiba
press to zoom
Daniela Veronesi - UFMG
press to zoom
Guilherme & Daniela - Fundação de Educação Artística - MG
press to zoom
Guilherme - São Paulo - Breve
press to zoom
Guilherme & Daniela - Triboz RJ
press to zoom
Guilherme Peluci - Workshop Unirio
press to zoom
Savassi Festival Conduction
press to zoom
Guilherme & Danielai - USP
press to zoom
Guilherme Peluci - São Paulo
press to zoom
1/1
Triboz 5
Triboz 5

press to zoom
Triboz 3
Triboz 3

press to zoom
24
24

press to zoom
Triboz 5
Triboz 5

press to zoom
1/14

Registro de parte da tour de lançamento do livro "The Art of Conduction" no Brasil em 2017. 

 

Sessão dupla, que aconteceu em dois dias consecutivos na casa de Jazz, Triboz, no Rio de Janeiro contando com a Rio Art Orquestra, idealizada por Mike Ryan.

Guilherme Peluci - Regência

Cliff Korman - Piano

Bernardo Ramos - Guitarra

Eduardo Rezende - Percussão

Mike Ryan - Trompete

Jonas Hochermann - Trombone

Levi Chaves - Clarineta, Clarone, Sax

Nikolay Sapoundjiev - Violino

Bernardo Fantini - Viola

Vanessa Rodrigues - Viola

Conduction is one of the most relevant Directed Improvisation practices based on a coded set of hand signals and can be used by conductors to direct a group with or without notation (scores).

The book "The Art of Conduction - A Conduction", arrives in Brazil through Guilherme Peluci, one of the few researchers of this practice in the country and master in the subject, who established partnerships with universities, festivals and jazz houses. At TribOz, the event features the participation of the musicians of the Rio Art Orchestra (directed by Mike Ryan), and the UniRio Big Band (directed by Cliff Korman). A special opportunity to witness the evolution of improvised music in a guided collective performance. - Text by Mike Ryan

Gravado como parte da tour de lançamento do livro "The Art of Conduction" no Brasil em 2017, organizada por Guilherme Peluci junto com a Dra. Daniela Veronesi, editora do livro, a fim de promover a difusão da prática criada pelo maestro Norte Americano Lawrence "Butch" Morris.

Guilherme Peluci: Condução
Benjamim Taubkin: (Piano)
Romulo Alexis (trompete)
Amilcar Rodrigues (trompete)
Daniel Carrera (trombone)
Filipe Nader , Rafael Cab (sax alto)
Richard Fermino (clarone, flauta)
Martin Herraiz (guitarra)
Daniel Mendes (guitarra)
João Ciriaco (contrabaixo)
Rafael Ramalhoso (cello)
Edu Varallo (vibrafone)
Jorge Amorim (bateria)
Daniel Puerto Rico (percussão)
Natacha Maurer (ruidos)

IMG_1570
press to zoom
IMG_1553
press to zoom
IMG_1569
press to zoom
IMG_1573
press to zoom
IMG_1551
press to zoom
1/1

Gravado ao vivo em AGO/2017 , na tour de lançamento do WoorkBook "The Art Of Conduction" de Lawrence Butch Morris no BREVE - São Paulo

 

Guilherme Peluci, Regência
Bruno Duarte, percussão e vibra
Ricardo Barros, Daniel Mendes,

Martin Herraiz, guitarra
Marcus Simon, percussão
Angelo Ursini, sax e flautas
Gui Augusto, clarinete
Romulo Alexis, trompete
Daniel Carrera, trombone
Richard Fermino, clarone
Jorge Amorim e Marcio Gibson, Bateria
Edu Varalo, Vibrafone.
João Ciriaco, Contrabaixo
Amílcar Rodrigues, trompete

spio27459888_10213750166500690_6322183851540225951_n.jpg
The art of Conduction - Breve
press to zoom
The art of Conduction - Breve 3
press to zoom
The art of Conduction - Breve 2
press to zoom
The art of Conduction - Breve 5
press to zoom
The art of Conduction - Breve 4
press to zoom
1/1

Dubitando Ad Veritatem Pervenimus - (Duvidando é que encontramos a verdade)

Gravado ao vivo no estúdio Bioma em 2018, Belo Horizonte, Minas Gerais.

Guilherme Peluci - Conduction,

Bernardo Bauer - Baixo,

Daniel Tamietti - Cello
Matheus Felix - Violino,

P.C. Guimarães - Guitarra,

Yuri Vellasco - Bateria,

Vinícius Mendes - Sax / Piano

ad hoc careta
press to zoom
IMG_1256
press to zoom
Bioma
press to zoom
IMG_1270
press to zoom
IMG_1263
press to zoom
1/1